segunda-feira, 6 de maio de 2019

DIA DE UM AGRUPAMENTO DE AFETOS

   Não é à toa que a escola é chamada de segundo lar!


Passamos muito tempo com os nossos alunos, e além de competências científicas, todos adquirimos conhecimento humano! O evento comemorativo do Dia do Agrupamento associado ao mês azul “(Entre)Laça-te!”, promoveu diversas iniciativas ao longo deste mês de abril, que tiveram como objectivo sensibilizar toda a população para esta problemática e da necessidade de todos estarmos atentos e conscientes desta realidade.
Deixamos aqui algumas imagens de trabalhos feitos pelas EB/JI deste Agrupamento.


Foi um dia feliz na escola! 



quarta-feira, 24 de abril de 2019

O AMOR

O Amor

Quando temos oito anos e descobrimos que alguém gosta de nós, podemos ficar um pouco envergonhados ou não ligar nenhuma. Nessa idade o amor não ocupa a nossa cabeça. Mas na adolescência, quando o nosso corpo começa a mudar e os nossos pensamentos mudam também, a ideia de ter um namorado ou namorada pode ser tão excitante que nem conseguimos pensar noutra coisa.
Algumas pessoas apaixonam-se no secundário e mantém uma relação de compromisso durante a idade adulta. Mas na maior parte das vezes, as relações durante a adolescência são mais curtas. Isto acontece porque a adolescência é uma fase da nossa vida em que queremos experimentar coisas diferentes e andamos à procura daquilo que realmente queremos e nos faz sentir mais confortáveis. Um outro motivo é porque queremos coisas diferentes de uma relação em fases diferentes da nossa vida. Na adolescência, namorar é muitas vezes uma forma de nos divertirmos, de termos companhia para irmos a vários sítios. Também pode ser uma forma de sentirmos que pertencemos ao grupo, sobretudo se a maior parte dos nossos amigos já namoram, podemos sentir-nos pressionados para arranjar um namorado/a. As revistas, a televisão, os filmes, também nos fazem sentir que devíamos apaixonar-nos e namorar.

No final da adolescência, as relações já não têm tanto a ver como nos integrarmos no grupo. A proximidade, a partilha, a confiança em alguém tornam-se mais importantes quer para os rapazes quer para as raparigas. Quando chegam aos 20 anos a maior parte dos rapazes e raparigas valorizam a proximidade, o apoio, a comunicação e a paixão numa relação. Começam a pensar em encontrar alguém com quem se possam comprometer a longo prazo.

quinta-feira, 28 de março de 2019

AQUI ... HÁ HORTA!!!

Juntos pela  alimentação saudável !


Plantar, semear, mexer na terra ...melhora a qualidade de vida das nossas crianças e uma melhor relação destas com o que comem! Faz toda a diferença nestas idades comer o que se planta ..., e se vê crescer  !...
O Jardim de Infância da Quintã do Loureiro, desenvolveu com simplicidade  o objetivo de ensinar aos seus alunos  o cultivo de uma horta partilhada, onde as crianças acompanham e participam com o seu próprio trabalho no desenvolvimento da mesma, e ainda captam a importância que esta atitude terá, em beneficio da sua saúde  e do  meio ambiente!

E porque a poesia também fez parte do momento...





   Na Horta fomos semear 


   Batatas, courgetes, couves e, morangos plantar 


   Todos os dias vamos regar 


   Para uma boa refeição mais tarde saborear !

    




Juntos pela Alimentação Saudável









terça-feira, 19 de março de 2019

MUITO ALÉM DO PESO ! Reparou no titulo deste artigo?



Cada vez que nós ingerimos um alimento,  estamos a  alimentar a nossa saúde ou a  alimentar uma doença! A escolha é sempre nossa, a cada garfada!!!
Uma boa alimentação é o melhor remédio para o corpo. Uma vida saudável e natural garante ao seu corpo um bem-estar que nada mais pode garantir!!!
O melhor passo para chegar a algum lugar é decidir que não se quer ficar mais onde se está... 


























terça-feira, 12 de março de 2019

Sinais tipicos de vitimas de bullying




Alguns sinais típicos são observados nos alunos vítimas de bullying, entre eles:


·       recusa de ir para a escola;
·       tendência ao isolamento;
·       falta de apetite;
·        insónia e dor de cabeça;
·       queda no desempenho escolar;
·       febre e tremor.


·       Cyberbullying é um tipo de Bullying que tem aumentado com a expansão das tecnologias de informação.



   Cyberbullying  quando o bullying ocorre por meio das tecnologias da informação, seja internet (redes sociais, e-mails, etc.) e/ou celulares (torpedos).
·         Verbal: quando o bullying acontece por meio de palavras de baixo calão, apelidos e insultos.
·         Moral: associado ao bullying verbal, que ocorre através de boatos, difamações e calúnias.
·         Físico: quando o bullying envolve  agressões físicas, seja empurrar , bater, pontapear, etc.
·         Psicológico: quando o bullying envolve aspetos que afetam a parte psicológica, por exemplo, chantagem, manipulação, exclusão, perseguição, etc.
·         Material: quando o bullying é definido por ações que envolvem roubo, furtos e destruição de objetos pertencentes a alguém.
·         Sexual: neste caso, o bullying é cometido por meio de abusos e assédios sexuais.

DIA DE UM AGRUPAMENTO DE AFETOS

    Não é à toa que a escola é chamada de segundo lar! Passamos muito tempo com os nossos alunos, e além de competências científicas, t...